quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

FELIZ 2011, 0 ANO ACEITÁVEL DO SENHOR!



2011 SE APROXIMANDO, ANO DE BENÇÃO.
ANO DE SE PROJETAR PARA O FUTURO E CONQUISTAR O IMPOSSÍVEL PARA HONRA E GLÓRIA DO SENHOR JESUS!
ANO DA FÉ, A MOLA PROPULSORA DO SUCESSO E INDISPENSÁVEL PARA AGRADA AO CORAÇÃO DO PAI.
O NOSSO ANO! DE REALIZAÇÃO, DE VITÓRIAS, DE CONQUISTAS, DE SABEDORIA, LONGEVIDADE, SAÚDE, PAZ, ALEGRIA E TODOS OS FRUTOS DO ESPIRÍTO SANTO DE DEUS NAS NOSSAS VIDAS.
O ANO ACEITÁVEL DO SENHOR! ALELUIAAA!!!!!

FELIZ ANO NOVO! FELIZ 2011!!!!

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

COMENTÁRIOS E SUGESTÕES

Graça e Paz!!!!!
Gosto de compartilhar. Nem sempre tenho tempo para postar, as vezes da vontade de tirar férias longas. Mas sempre que bate esse pensamento alguém liga agradecendo pela mensagem, que estava precisando, ou alguma informação interessante. Então agradeço a Deus por estar de alguma forma contribuindo, ainda que muitos discordem do meu ponto de vista.
Esse espaço é para você dar a sua sugestão e me ajudar a melhorar esse blog. Registre seu comentário.

domingo, 26 de dezembro de 2010

BALANÇO GERAL 2010

SHALOM!
Mais um ano terminando. Ano de 2010, marcado por desafios e conquistas. E agradeço imensamente a Deus por tudo. Tivemos lutas, desafios, que nos  aperfeiçoaram e para mim, só isso, já é o suficiente para celebrar.
Amanhã estaremos completando um ano em Salvador/BA e não faltam motivos para agradecer:
Por estar mais perto da minha irmã Marcilene e de minha sobrinha linda,  Tércia;
O reencontro com minhas irmãs em janeiro, foi maravilhoso, não nos encontravamos há mais de dez anos;
O nascimento de Miguel, meu sobrinho;
Pelas pessoas maravilhosas que conhecemos e que nos receberam muito bem;
Pela vida de AP. Tulio e Pra. Marineth, que nos adotaram. Já os conhecia em Manaus, mas aqui em Salvador pude conviver e conhecer melhor esse casal. Eles têm sido uma benção nas nossas vidas;
Estou amando esse lugar. Terra de mulher abusada e guerreira. Ainda me assusto quando eu vejo um aglomerado e penso que é uma briga: são baianos conversando descontraídos – falam alto. Povo festeiro – aqui tudo é motivo de festa. Se o Bahia jogar então... mas, é também terra de um povo sofrido, que se sustenta pela fé. Um povo que busca desesperadamente Deus e que se refugia na cultura, no tradicionalismo para suprir essa necessidade.
Sempre que saio pelas ruas, vislumbro Salvador, na sua totalidade, acho uma cidade bonita com seus prédios com arquitetura moderna, o contraste dos morros,  a orla, o clima agradável, sol na medida certa. O sistema viário aqui é muito bom, ruas largas, embora não o suficiente para acabar com o congestionamento típico das grandes capitais (o preço do progresso).
A culinária é expetacular, confesso que depois que cheguei em Salvador, fiquei constrangida de ir pra cozinha. Tenho um tempero muito simples, que eu gosto, mas confesso que não me atrevo a preparar um almoço pra baiano, rsrs!
É realmente uma terra fantástica, que vale a pena conhecer. Olho pra Salvador e não vejo o carnaval, a violência, a prostiruição, as drogas, presentes não só aqui como nos grandes centros urbanos. Salvador tem muito mais que isso, tem gente, que ama, que sabe acolher, que sorrir com tudo. Eu já vejo um povo exaltando o nome do Senhor, um povo curado, de todas as mazelas sociais e espirituais, um povo quebrantado, declarando aos quatro cantos do mundo que SALVADOR E TODA A BAHIA É DO SENHOR JESUS!!!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

O VERDADEIRO SIGNIFICADO DO NATAL


Shalom queridos,

Final de ano, festas, confraternizações. O clima de comunhão é muito gostoso, tempo de abraçar e desejar um feliz ano novo. Mas é tempo, também, em que a nossa sociedade comemora o Natal. E todos os anos é aquele jogo de cintura pra explicar que não participo de “amigo secreto”, não dou presente de papai Noel  (minha sobrinha já sabe disso), não decoro a casa com motivos natalinos, tipo árvore de natal, pisca-pisca etc. Acho tudo muito lindo, e respeito a opinião contrária, não discuto, cada um caminha na luz que tem,  mas eu não me envolvo com essa comemoração.
 A nossa sociedade comemora em 25 de dezembro o nascimento de Jesus Cristo (http://www.mir12.com.br/br/rss_destaques.php?id=208). 
Essa comemoração  começou a entrar no cristianismo, através do Imperador Constantino , que numa tentativa de salvar o Império Romano se “converte” ao cristianismo, mas sem deixar os hábitos pagãos, velando pelos seus direitos, dando-lhes apenas uma roupagem cristã. Procurando agradar a ambos, fez na verdade, um sincretismo misturando o santo com o profano. 
(http://pt.wikipedia.org/wiki/Constantino_I)
O Natal (http://pt.wikipedia.org/wiki/Natal) na verdade, é um festival pagão em comemoração ao solstício de inverno (http://pt.wikipedia.org/wiki/Solst%C3%ADcio_de_inverno), que não tem nada haver com o nascimento de Jesus Cristo (Jesus não nasceu em dezembro), mas sim com um deus pagão Ninrode (deus sol) e tudo neste festejo está relacionado a rituais, até hoje comemorado, na sua íntegra e sem máscaras,  por feiticeiras, no Sabbat. Todos os seus adereços tem um significado, inclusive no reino espiritual.
No Natal, você encontra :
 Comércio – época de grandes vendas e lucros, pessoas ficam endividadas, gastam o que não têm em um consumismo desenfreado. Se você não sabe, existe uma entidade maligna (Mamon), que engorda muito essa época.
Papai Noel – O “santo” romano,  Nicolau, dá origem a essa figura, que predomina no mês de dezembro. Tudo gira em torno dele (as decorações comprovam isso). Esse mesmo principado se transforma, depois em rei-momo.
Árvore de natal – era usada para adoração a Ninrode e Semírames, que era uma árvore –trono babilônico e são usadas, até hoje, em rituais espiritualistas (Oséias 4, 13 e Deuternômio 16,21);
Guirlandas – coroas de homenagem aos mortos, invocavam os mortos. Todos esses adereços são portas de entrada para demônios, então cuidado com que você está se aliançando.
Troca de presentes – costume na festa do deus sol. Não é errado dar presente, pelo contrário. Amo dar presentes, nessa época eu sempre deixo bem claro que não é um presente de natal;
Glutonaria (ceia) – outra prática nos rituais pagãos, as pessoas comiam tanto que vomitavam para comer novamente.
Ceia, fala também de confraternização, de unidade, ocorre é que as pessoas fazem o que querem com o próximo e chega na época do natal, querem se confraternizar com uma falsa emoção. Ceia, unidade, tem que ter em todo o tempo, com sua família, seus amigos. Jesus nos ensinou a ceiar, a compartilhar o pão.
Tirando o papai noel, que data da Idade Média, os outros costumes são bem mais antigos e retomam a Egito e Babilônia, ou seja, foram passando, só mudando a roupagem. São dessa forma que principados se perpetuam no mundo, e passam despercebidos, através da cultura e do tradicionalismo. Mas bastaria  dizer que Deus não divide a glória dEle com ninguém e que não devemos misturar o santo com o profano, isso é abominação ao Senhor. A Bíblia é bem clara que o mundo jaz no maligno, e temos que ser sábios; é claro, que isso não significa que devemos se isolar, pelo contrário, temos que interagir mas sem fazer parte e principalmente orientar. Eu não nasci tendo essa informação, alguém me ensinou, me motivou a pesquisar e hoje eu entendi. Sugiro que você não fique somente na leitura desse texto, pesquise (Google, Enciclopédia Barsa- Vol 11, Babilônia e Roma, a diferença é só o nome. Renë Terra Nova). Você vai se surpreender. Não se limite, achando que isso não tem nada haver. Tudo na nossa vida é uma semeadura, o que você plantar, você colhe. As alianças que você faz hoje vão te comprometer amanhã. O Senhor tem pra você um futuro de paz reservado para você que ouve e procura andar segundo os Seus princípios.  
O fato de não ter ido participar de uma ceia de natal, ou de um amigo secreto, não significa que não o ame, ou que não tenha consideração. O meu sentimento não muda em nada, com minha família, com os amigos que ainda comemoram essa data. Tenho certeza que mesmo que não entendam, respeitam o meu estilo de vida. AMO VOCÊS!!!  
Obs..: Leiam os links sugeridos no texto e deixe seu comentário.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

MANAUS ESTÁ ENTRE AS SEIS CIDADES BRASILEIRAS COM MAIOR PIB

Os seis municípios com as maiores participações no Produto Interno Bruto (PIB) do País, todos capitais, representavam em 2008 cerca de 25% do PIB brasileiro: São Paulo tinha 11,8%; Rio de Janeiro, 5,1%; Brasília, 3,9%; Curitiba, 1,4%; Belo Horizonte, 1,4%; e Manaus, 1,3%. São Paulo, apesar de se manter como a principal economia, perdeu participação no PIB brasileiro de 2007 (12,1%) para 2008. Os dados foram divulgados hoje na pesquisa PIB dos Municípios, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

http://estadao.br.msn.com/economia/artigo.aspx?cp-documentid=26695173

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

HUCK ELOGIA MANAUS

Por volta das 18h de terça-feira, o apresentador Luciano Huck concluiu as gravações. O apresentador ficou encantado com o Teatro Amazonas e com a cidade, destacando a receptividade do público amazonense durante as gravações.
Pela primeira vez, uma comunidade de 13 famílias participou do programa. Luciano contou que ficou surpreso com o modo de vida dos ribeirinhos. "Pela primeira vez conheci um lugar que não tem rua e não tem carro. fiquei admirado como eles mantém a cultura deles, são muito unidos, solidários", disse. O acesso por via fluvial deu trabalho para a produção do programa realizar o quadro "lar Doce Lar" na comunidade. A equipe contou com mais de 150 técnicos e pedreiros do Rio de Janeiro que realizaram as obras em três semanas. " Foi uma operação de guerra, a obra não foi faraônica, mas a operação sim", brincou. Além disso, o quadro "Lata Velha" precisou ser adaptado para "Barco Velho", com a reforma de um barco. "Algo inédito, mas valeu a pena por ser últil para eles", disse.
Huck também disse que ficou surpreendido com o contraste entre área rural e urbana no amazonas. "Não imaginei ver um Teatro como esse, digno de qualquer lugar do mundo. Só se fala em floresta, mas pude ver a região metropolitana, com prédios, ruas, o rosto da cidade, é muito bacana", disse.
O especial " a Festa é Sua" será o último programa de 2010 do " Caldeirão do Huck", exibido no dia 25 de dezembro.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Luciano Huck grava, nesta terça, quadro em Manaus

Luciano vai gravar " a Festa é Sua",  que engloba os quadros: "Lata Velha", "Lar Doce Lar" e "Agora ou Nunca" e vai ajudar 16 famílias ribeirinhas, da comunidade São Tomé, localizada ás margens do Rio Negro. Sem enérgia elétrica, os moradores vivem da pesca e do artesanato. A produção do Caldeirão montará um projeto de turismo auto-sustentável. 

terça-feira, 30 de novembro de 2010

EXPONDO A VERDADE PARA RECEBER A CURA


Não importa o quanto pareça difícil, quando confiamos no Senhor, quando realmente permitimos que ele faça sua obra nas nossas vidas ele faz o que parece impossível. Ele faz muito mais do que imaginamos. No livro de Marcos, capítulo 5:25 e seguintes, temos a história de uma mulher que estava enferma há 12 anos e que foi curada ao tocar nas vestes de Jesus. Jesus seguia acompanhado de uma multidão, que o apertava (frisa a Palavra de Deus). Imagino que pra qualquer ser humano enfermo, atravessar uma multidão para se aproximar de Jesus, não era fácil. Para uma mulher então. Aliás só pelo fato de ser mulher já era um desafio e com fluxo de sangue então. A ética judaica é muito rígida, considerando impura não só a mulher, como qualquer pessoa que a tocasse, ou seja, até mesmo um objeto por ela tocado, eram, também, considerado impuro. Então, imagine a vida daquela mulher, com 12 anos, sofrendo daquele mal - não tinha relacionamento, quem poderia tocá-la? nem os filhos. Imagine a alma dessa mulher, a rejeição, a dor, a solidão. Pelo que a Bíblia fala no verso 26, não era qualquer mulher, era uma mulher abastada, com posses, pois já tinha gastado tudo quanto tinha, com muitos médicos, indo de mal a pior. Mas ela creu e tomou uma decisão. Decidiu sair do seu lugar de conforto, decidiu vencer a multidão e tocar nas vestes de  Jesus. A Bíblia fala que quando veio por detrás e tocou nas vestes de Jesus (27) foi curada, sentiu a hemorragia parar no mesmo momento (29). Ela creu! Mas Jesus, nos promete não só vida, mas vida em abundância e a história do milagre não termina nesse momento.
Quando percebe que é tocado, Jesus, imediatamente vira-se e pergunta: quem me tocou? Os discípulos ficaram surpresos porque havia ali uma multidão que o apertava (31). Mas Jesus falava de um toque diferente. E você acha mesmo, que Jesus não sabia quem o havia tocado? No verso 33, declara que a mulher, temendo e tremendo, imagine o medo! tinha sido descoberta, não adiantava se esconder. Então ela se entregou, se prostou diante de Jesus e disse-lhe toda a verdade. Ela mostrou a cara, se expôs. Li uma frase no twitter, que achei interessante, " As pessoas erradas ficam onde não são expostas, onde são permitidas a não mudar". Aquela mulher decidiu mudar e pra isso pagou um preço: venceu o medo, atravessou a multidão e correu atrás do seu milagre. E Jesus a honrou lhe dando muito mais do que havia buscado. Ela buscou uma cura física, mas Jesus sabia como estava a sua alma, sabia da rejeição, da solidão, do medo. No verso 34 vemos um decreto sobre a vida daquela mulher: Filha a tua fé te salvou; vai em paz, e sê curada deste teu mal.  Você consegue entender? não era a cura física que Jesus estava se referindo, pois ela já havia sido curada da hemorragia, no momento em que ela tocou Suas vestes (vs 29). Jesus estava falando de outra cura, uma cura completa (da alma), que só ocorreu porque ela decidiu se mostrar, se expor  e falar toda a verdade.
Muitas vezes queremos o milagre, mas do nosso jeito, de forma imediata, mas dificilmente nos permitimos mostrar a cara e expor toda a verdade pra receber a cura, muitas veze nos escondemos atrás de argumentos, alimentando a nossa carnalidade (humanismo, julgamentos). Jesus nos ensina que a verdade nos liberta. E aquela mulher experimentou dessa realidade. Quando nos expomos, nos humilhamos diante do Senhor, estamos declarando que não somos nada sem Ele. Permitimos que o milagre, venha sobre nossas vidas, porque para Deus, não existe impossível.
" Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações. Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza. Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará”. (Tiago 4, 8:10).

Manaus lidera crescimento populacional (Estadão)

O crescimento populacional de Manaus observado há pelo menos duas décadas tem nas oportunidades de emprego e novos negócios na zona urbana em desenvolvimento duas das principais explicações para o municípios passar da nona para a sétima posição no ranking das grandes cidades brasileiras. A população saltou de 1.405.835, em 2000, para 1.802.525, em 2010 - um crescimento de 22%. Foi a grande cidade que mais cresceu.
No início desta década, a Zona Franca de Manaus tinha cerca de 400 indústrias na capital. Hoje são 550 e uma média de 20 mil empregos gerados anualmente no setor, nos últimos dez anos.
http://estadao.br.msn.com/ciencia/artigo.aspx?cp-documentid=26561918

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

MACROCÉLULA

Dia 26 de novembro, tivemos uma Macrocélula, todos os líderes ( na foto: Jacivaldo, Hamilton, Vânia, Jeilza, Pr. carlos, Eu, Luzineide e Everaldo) estão de parabéns, foi maravilhoso. Tivemos a apresentação de uma peça teatral, sorteio de brindes, apresentação do Ministério de Louvor do MIR Salvador - pessoas se converteram a Jesus, alguns se reconciliaram, foi realmente uma noite abençoada e muito animada.
(ver Salvador/BA)

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

DIA DE AÇÃO DE GRAÇAS!!! OBRIGADA SENHOR!!!!



A Ti Senhor, toda a honra, toda a glória!
Obrigada, por tudo o que tem feito em nossas vidas.  Obrigado pelo teu amor indesistível.

HISTÓRIA
Nos Estados Unidos, Os primeiros Dias de Ação de Graças eram festivais de gratidão a Deus, em agradecimento às boas colheitas anuais. Por esta razão, o Dia de Ação de Graças é festejado no outono, após a colheita ter sido recolhida.

Porém, por muitos anos, o Dia de Ação de Graças não foi instituído como feriado nacional, sendo observado como tal em apenas certos Estados americanos como Nova Iorque, Massachusetts e Virgínia. Em 1863, o então presidente dos Estados Unidos, Abraham Lincoln, declarou que a quarta quinta-feira do mês de novembro seria o dia nacional de Ação de Graças.
No Canadá, o primeiro dia oficial de Ação de Graças foi festejado em 5 de abril de 1872, tendo sido reconhecido como feriado nacional pelo Parlamento Canadense em 1879. Em 1957, o Governo Canadense instituiu a segunda semana de outubro como o Dia de Ação de Graças.
No Brasil, o presidente Gaspar Dutra instituiu o Dia Nacional de Ação de Graças, através da lei 781, de 17 de agosto de 1949, por sugestão do embaixador Joaquim Nabuco, entusiasmado com as comemorações que vira em 1909, na Catedral de São Patrício, quando embaixador em Washington. Em 1966, a lei 5110 estabeleceu que a comemoração de Ação de Graças se daria na quarta quinta-feira de novembro.
Tanto nos Estados Unidos quanto no Canadá, o Dia de Ação de Graças é geralmente um dia em que as pessoas utilizam o tempo livre para ficar com a família, fazendo grandes reuniões e jantares familiares. É também um dia em que muitas pessoas dedicam seu tempo para pensamentos religiosos, serviços na igreja e orações.
No Brasil, apenas as igrejas metodistas e os cursos de engles falam da data, e de maneira muito supeficial.
Eu mesma desconhecia essa data oficial. O engraçado é que na minha ignorância, desejava ver essa data comemorada no Brasil. Sei que todos os dias é dia de agradecer ao Senhor por tudo o que Ele tem feito nas nossas vidas, mas ter um dia oficial na nossa Nação, para isso, é maravilhoso. Então vale a pena divulgar essa data.
  

domingo, 14 de novembro de 2010

Decisão e treinamento

 Ninguém nasce conhecedor de algo, mas a medida que vamos percebendo o mundo, crescemos, amadurecemos e escrevemos o nosso futuro.
O que nos impulsiona e define nosso futuro é a nossa decisão. Podemos decidir se manter estagnado e podemos decidir crescer, tomando nossas limitações e erros como estímulo para buscar algo mais. Deus nos chama a ação!
Esse poder de decisão é fundamental para o nosso crescimento, pois através dele, nos comprometemos. É esse comprometimento que afere nossa disciplina e nos conduz ao sucesso.
Podemos comparar com um atléta, que com treino e disciplina persegue a sua vitória. A Palavra de Deus, em I Co. 9,24, também usa essa comparação. O treinamento nos adestra e nos faz vivenciar e trazer à existência o que declaramos por fé. É essa vivência que nos respalda.
Então decida hoje.  Não importa que circunstância você está passando. Olhe para os desafios e lutas  e os encare como um treinamento para uma grande benção que virá. Decida se achegar cada vez mais a Deus. A sua decisão nesse momento é uma semente que dará frutos amanhã. 

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Tempo de orar pelas autoridades da nossa Nação (Romanos 13,1-7)

Fazem dois dias do pleito que definiu a sucessão da presidência do Brasil. Os dias que o antecederam foram de céus abertos à mudanças, onde tivemos legalidade para discutirmos, criticarmos os rumos da nação brasileira. Tempo, também, de mostrar a unidade do povo de Deus, em uma só voz, para colocar os interesses do Reino de Deus acima de qualquer outro interesse pessoal, econômico ou partidário. Reino de Deus, também, é princípios da Palavra de Deus, colocado no coração da Nação, através de suas leis e decretos.
Embora tenhamos nos deparado com líderes "espirituais" se engalfinhado na mídia, de forma vergonhosa, saimos, também, vitoriosos, uma vez que os dois candidatos, tiveram que se curvar e mudar o discurso, em prol dos princípios básicos defendidos por nós (seja evangélico, seja católico). Sob este aspecto, repito, tivemos uma vitória. A nossa opinião foi levada em conta. Fica a lição - comprovada estatisticamente, de que, se o povo cristão se unir e priorizar o Reino de Deus, mudaremos o rumo da Nação.
Agora é tempo de obedecermos, como verdadeiros cristãos, o que nos ensina a Palavra de Deus, no livro de Romanos, 13, versos de 1 a 7, de que devemos respeitar as autoridades, porque foram instituídas por Ele! 
É tempo de orar pelas autoridades, constituídas, na nossa Nação. Deus inclina o coração do homem para onde Ele quer. A nós fica a missão de continuarmos intercedendo e profetizando que o Brasil é do Senhor Jesus!    

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Encontrei esse texo no site do Dr. Augusto Cury; tinha o título de "Professora Inesquecível", aqui: ' COMPAIXÃO". Como o mundo precisa disso!

Professora Teresa conta que no seu primeiro dia de aula parou em frente aos seus alunos do 5º ano e, como todos os demais professores, disse-lhes que gostava de todos por igual. No entanto, ela sabia que isto era quase impossível, já que na primeira fila estava sentado um rapaz chamado Ricardo. Ela, aos poucos, notou que ele não se dava bem com os colegas da classe e muitas vezes as suas roupas estavam sujas e cheiravam mal. Houve até momentos em que ela sentia certo prazer em dar-lhe notas baixas ao corrigir as suas provas e trabalhos. Ao iniciar o ano letivo, era solicitado a cada professor que lesse com atenção a ficha escolar dos alunos, para tomar conhecimento das anotações. Ela deixou a ficha do Ricardo para último. Mas quando a leu foi grande a sua surpresa… Ficha do 1º ano: “Ricardo é um menino brilhante e simpático. Os seus trabalhos estão sempre em ordem e muito nítidos. Tem bons modos e é muito agradável estar perto dele.” Ficha do 2º ano: “Ricardo é um aluno excelente e muito querido dos seus colegas, mas tem estado preocupado com a sua mãe que está com uma doença grave e desenganada pelos médicos. A vida no seu lar deve estar a ser muito difícil.” Ficha do 3º ano: “A morte da sua mãe foi um golpe muito duro para o Ricardo. Ele procura fazer o melhor, mas o seu pai não tem nenhum interesse e depressa a sua vida será prejudicada se ninguém tomar providências para ajudá-lo.” Ficha do 4º ano: “O Ricardo anda muito distraído e não mostra interesse algum pelos estudos. Tem poucos amigos e muitas vezes dorme na sala de aulas.” Ela deu-se conta do problema e ficou terrivelmente envergonhada… E ficou pior quando se lembrou dos lindos presentes de Natal que ela recebera dos alunos, com papéis coloridos, exceto o do Ricardo, que estava enrolado num papel de supermercado. Lembrou-se que abriu o pacote com tristeza, enquanto as outras crianças se riam ao ver que era uma pulseira à qual faltavam algumas pedras e um frasco de perfume pela metade. Apesar das piadas ela disse que o presente era precioso e pôs a pulseira no braço e um pouco de perfume sobre a mão. Naquela ocasião Ricardo ficou um pouco mais de tempo na escola do que o costume. Relembrou-se, ainda, que ele lhe disse: – A senhora está perfumada como a minha mãe! E, naquele dia, depois de todos se irem embora, a professora chorou durante bastante tempo… De seguida, decidiu mudar a sua maneira de ensinar e passou a dar mais atenção aos seus alunos, especialmente ao Ricardo. Com o passar do tempo ela notou que o rapaz só melhorava. E quanto mais ela lhe dava carinho e atenção, mais ele se animava. Ao finalizar o ano letivo, o Ricardo foi o melhor da classe. Seis anos depois, recebeu uma carta do Ricardo contando que havia concluído o secundário e que ela continuava a ser a melhor professora que tivera. As notícias repetiram-se até que um dia ela recebeu uma carta assinada pelo Dr. Ricardo Stoddard, o seu antigo aluno, mais conhecido como Ricardo. Mas a história não terminou aqui… Tempos depois recebeu o convite de casamento e a notificação do falecimento do pai de Ricardo. Ela aceitou o convite e no dia do casamento usou a pulseira que recebeu do Ricardo anos antes, e também o perfume. Quando os dois se encontraram, abraçaram-se longamente e Ricardo disse-lhe ao ouvido: “Obrigado por acreditar em mim e me fazer sentir importante, demonstrando-me que posso fazer a diferença.” E com os olhos banhados em lágrimas sussurrou: “Engano teu! Foi você que me ensinou que eu podia fazer diferença, afinal eu não sabia ensinar até que o conheci. Aprendi a lecionar e a ouvir os apelos silenciosos que ecoam na alma do educando” (Autor Desconhecido).

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Eleição acirra debate sobre impacto do voto evangélico

As eleições para presidente chamaram atenção para o peso do voto evangélico no Brasil, mas os fatores que influenciam a decisão dessa faixa de eleitores e a coesão do movimento como força eleitoral despertam opiniões divergentes.
Júlia Dias Carneiro Da BBC Brasil no Rio de Janeiro
(ver link)http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2010/10/101027_evangelicos_eleicao_jc.shtml

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

DILMA E SERRA DISPUTAM VOTOS DE EVANGÉLICOS

Eles já representam quase 30% da população brasileira, segundo estimativas do IBGE, e o apoio deles para o segundo turno das eleições presidenciais vem sendo altamente cobiçado pelos dois candidatos. Tanto Dilma Rousseff (PT) como José Serra (PSDB) sabem que o apoio dos evangélicos foi um dos fatores que deu 19% de votos a Marina Silva (PV) no primeiro turno (ela é membro da Igreja Assembleia de Deus) e pretendem atrair para si essa fatia do eleitorado.

No último Censo do IBGE, feito no ano 2000, foram contabilizados 26,1 milhões de evangélicos (15,4% da população brasileira). A estimativa é que, neste ano, quando está sendo feito um novo Censo, eles cheguem a 55 milhões de brasileiros (28,7%).
http://www.atarde.com.br/eleicoes2010/noticias/noticia.jsf?id=5632511

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

As armaduras de Deus na minha vida

Deus é fiel! e nos ama incondicionalmente. Quando a Sua Palavra declara em Mateus 6,33 que se colocarmos o seu Reino e a Sua justiça em primeiro lugar, todas as outras coisas nos são acrescentadas - são mesmo!!! Tenho testificado isso na minha vida. O Seu zelo, o Seu amor, independente das minhas falhas, da minha humanidade - essa certeza me faz descansar.
Não sou melhor que ninguém, só uma pecadora que está sempre se limpando - mas o Santo Espírito do Senhor, tem me ensinado, me conduzido, me consolado, tem me fortalecido em todos os momentos da minha vida, e sou muito grata a Deus por isso.
Independente das situações, Deus tem me proporcionado alegrias que não sei explicar de onde vem, a não ser dEle mesmo.
Hoje quando medito no cap. 6 do Livro de Efésios, o qual lembro todos os dias, sempre pedindo essas armaduras sobre a minha vida e meus amados, vislumbro claramente a forma dessas vestimentas de guerra - invisíveis aos olhos humanos, mas  manifestadas através da nossa fé e estilo de vida.
Decidir cumprir a missão de ganhar vidas (Mt. 28,19), servir de boa vontade ao Senhor ( Ef. 6,7), sem se preocupar e nem esperar pelo reconhecimento dos homens - pois quem nos honra é Deus - tem sido um aprendizado contínuo. Não sou perfeita, mas a cada dia, Deus tem me aperfeiçoado e não tenho dúvida disso, pois eu sei quem eu era e o que Deus tem feito na minha vida. O crescimento tem sido de degrau em degrau. Cada guerra, um aprendizado e não tem jeito, o tiro sempre sai pela culatra do diabo, porque, como diz o povo baiano: Deus é mais!!!!!
Sei do temor que tenho do Senhor, porque tenho consciência que Ele me retribuirá conforme o que eu fizer (Ef. 6,8). Esse temor me fortalece, me leva a buscá-lo, a agradá-lo. É esse temor que me deixa na linha - mas não é um temor de medo, é mais por prazer, porque grandes coisas o Senhor tem feito por mim e isso me  alegra. Esse temor, me faz dependente dEle e eu me sinto segura (Ef.6,10), que mal poderei temer, que mal poderá me fazer o homem? (Salmo 118,6). O senhor é a minha força (Sl 118,14a).
É essa a certeza que me mantém firme, independente das circunstâncias, das ciladas, das afrontas (Ef.6,11).
A Palavra de Deus nos adverte que a nossa luta não é contra a carne, não é contra o nosso irmão, não é contra aquele que nos afronta, muitas vezes se achando senhor da verdade, cheio de razões, cego pelo engano. A verdade sempre aparece. O diabo por mais astuto que seja, sempre é desmascarado.
Existem muitos tipos de batalhas que surgem nas nossas vidas - algumas dependem de nosso esforço, coragem e decisão.
Mas existem algumas batalhas, que embora nos atinjam, não são nossas, porque atingem o próprio Deus; a nós cabe apenas confiar nEle, porque Ele é fiel e as lutará por nós.
Então faço a minha parte: Buscar a presença do Senhor, me dispor a ser sondada, no meu mais íntimo, pra receber a cura e até mesmo a libertação (se precisar) e me aperfeiçoar cada vez mais no amor de Deus. A verdade e a justiça divina caminham juntas - a do homem nem sempre - mas a de Deus é infalível (Ef.6,14).
Buscar cada vez mais o nosso, muitas vezes esquecido, Consolador - o Espírito Santo - que nos ensina e também nos convence do pecado. Ele é quem nos adestra, nos capacita para a nossa missão (Ef.6,15).
Caminhar sempre olhando para o alto, de onde vem o nosso socorro, porque se teimarmos em olhar para as circunstâncias somos atingidos. A fé é um verdadeiro escudo (Ef. 6,16).
Orar mais - a Palavra nos diz que devemos orar em todo o tempo (Ef. 6,18) - Glória a Deus!!! Eu chego lá.
A Palavra de Deus nos ensina, que aquele que pede, recebe, o que busca encontra e o que bate, se abre (Mateus 7,8). Então, se depender disso, estou no caminho certo. Eu quero é mais de Deus todos os dias da minha vida.
SSA,30 de setembro 2010 às 14h.

terça-feira, 28 de setembro de 2010

SE AMARMOS UNS AOS OUTROS, DEUS ESTÁ EM NÓS ( I Jo.4:12)

Estamos vivendo em um momento profético, onde os céus estão aberto à mudanças, debaixo de um decreto de que esse é o ano das causas impossíveis. Creio que em todas as áreas que a nossa fé possa alcançar. O ano da virada! Glória a Deus!!!
Julgamentos, irmãos contra irmãos, pedradras, uns se lançando contra o outro - estou falando da Igreja de Cristo - são atitudes que entristecem e que, infelizmente, são tão antigas quanto o mundo e o diabo.
Quando Jesus declara, diante dos acusadores de uma mulher adultera (Jo 8:1-11): quem não tiver pecado, atire a primeira pedra; nos confronta a olhar para nós mesmos, a nos preocupar com o que estamos fazendo para viver o Reino de Deus e consequentemente a nossa salvação. O Reino de Deus pode ser agora, se permitirmos priorizar o Senhor desse reino, Jesus, em nossas vidas.
Quem está isento de pecado e apto para atirar pedras? Em I Jo 1:8, a Palavra de Deus nos ensina que "se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós".
Julgar e atirar pedras não nos faz mais santo, pelo contrário, nos faz perder tempo e permitir ser marionete do diabo.
Não somos obrigados a concordar ou até mesmo confiar no nosso irmão, mas Deus nos deu um comando: ame, ame uns aos outros - independente de doutrina, de religião. Doutrina e religião não é Reino de Deus.
"aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor" (I Jo 3,23).
Temos que ultrapassar essa humanidade, mais amiga do mundo, do que de Deus, para não cairmos em ciladas.
Uma das estratégias de satanas para ganhar território é promover a divisão. Uma verdadeira regência maquiavélica - literalmente falando. Somos um só corpo, cuja a cabeça é Cristo. Não podemos baixar a guarda para visitações e regências malignas, que tentam promover a discórdia no meio do povo de Deus.
Nicolau Maquiavel (1469-1527), tinha como chavão principal sua famosa frase: " Dividir para governar" - bem sugestivo, não?
Mas a Palavra de Deus nos ensina, que a nossa luta não é contra a carne (Efésios, 6:10 e segs.) - não é contra o nosso irmão, a nossa luta é espiritual. e completa: "Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus, para destruir fortalezas"(II Co. 10:4).
Chega de fazer o joguinho do diabo. Vamos nos esforçar, pelo menos um pouquinho,  para cumprir o que Deus nos pede:  Amar e confiar somente nEle e amar ao nosso próximo como a si mesmo.
Sugestão de leitura: I João/ Rm. 12:10
Ssa, 28/09/10 às 06h43.

domingo, 15 de agosto de 2010

ACOMPANHANDO A CONVÊNÇÃO REALIZADA EM MANAUS/AM.

Shalom!!!

Mesmo estando em Salvador, pude acompanhar as ministrações on line. Glória a Deus!!!!
Estou sendo muito abençoada. Enquanto digito essas linhas estou ouvindo a Apsta. Valnice Milhomens. Ontem, no sábado a Palavra de Deus ministradas através da Bispa Sônia Hernandes, sobre a mulher de honra, foi impactante. Hoje Bispa Joice, como sempre arrasou... Deus é tremendo... a unção daquele lugar é tremenda!!!... RECEBO CADA DECRETO (15/08/10- 14H18).   
                          


Bispa Sônia Hernandes: "A mulher de honra é uma mulher que escuta a voz de Deus, a Palavra é lâmpada para os seus pés e luz para os seus caminhos. Ela não ouve a palavra de Deus para questionar, criticar, mas para praticar, como está escrito no Salmo 119:115".




Bispa Simone Leite: "Para sermos uma mulher de honra precisamos lutar, ter perseverança diante das situações, conhecer quem somos em Jesus Cristo, entender que fomos chamadas por Deus, que Ele nos chamou para sermos templo do Espírito Santo.
Muitas vezes queremos que os nossos familiares se convertam, mas não damos o testemunho de transformação. Uma mulher para ser honrada tem que começar dentro da sua casa. Algo diferente você tem que carregar dentro de você, os mesmos sentimentos que haviam em Jesus."





A mulher submissa capacita o seu marido a ser líder. Você pode ser gerente, chefe no seu trabalho, lá fora. Mas quando você entra na sua casa, você se torna esposa. Você pode ser empresária, empreendedora, mas em casa você é esposa.
Como mulheres, precisamos saber dos propósitos de Deus para nossas vidas, pois somos ideia de Deus. Somos especiais, surgimos por causa do amor, o homem precisava de alguém para amar. Por isso, somos muito valiosas para Deus. Você é a essência de Deus.



Você precisa conhecer a intimidade do Rei. Não há melhor lugar do que estar com Ele. O nível da intimidade com o Rei vai determinar o seu lugar no Reino. O Espírito de Deus nos ungiu para libertar os cativos, dar vista aos cegos, proclamar libertação. Deus tem uma unção de conquista sobre nós.    A unção de Ester é a unção que remove decretos de morte e estabelece decretos de vida. Pode uma mulher fazer diferença na história? Eu quero dividir a história de Ester em dois tempos: Impossibilidade e Restituição.




sábado, 24 de julho de 2010

Seu presente é onde você está, seu futuro é para onde você aponta, seu passado é onde sua alma ficou presa! (Ap. Renê)

DECISÃO, AÇÃO, GOVERNO


O homem foi criado para governar sobre a terra, ter o domínio.


Gn1,28 - Deus reforça o comando: frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.

Fruto - é o resultado. Deus nos chama, não somente para enfeitar a terra, mas para dar resultado. Não se obtem resultado sem esforço.

Se analisarmos as palavras: Frutificar, multiplicar e encher, são verbos que denotam ação/movimento.

Deus nos chama à ação.

Nós fomos abençoados para entrar em ação.

Isso significa que quando decidimos dar o primeiro passo, a benção de Deus está conosco para o sucesso: para frutificar, multiplicar.

Se observarmos os milagres realizados por Jesus, todos foram precedidos de ação. A mulher do fluxo de sangue, o cego Bartimeu e tantos outros, sairam do lugar de conforto, para tomar posse do seu milagre.

A mulher do fluxo de sangue não teria sido curada se estivesse dentro de sua casa, conformada com sua situação de enferma e de rejeitada - isso porque naquela época uma mulher no estado dela não poderia ser tocada por ninguém.

O cego Bartimeu, se não tivesse gritado desesperadamente, com todas as suas forças, enquanto Jesus passava, também, não teria recebido a sua cura,

Deus nos chama à ação!!!!

Deus respeita nosso livre arbítrio, mas nos deu um comando.

Ele não disse: se você quiser voce pode frutificar, multiplicar e encher a terra. Ele deu um comando: Frutificai, Multiplicai-vos.

(Gênesis 1:29) - E disse Deus: Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser-vos-á para mantimento.

Deus nos deu um comando e todas as condições para exercê-lo e tomar posse.

Detalhe, isso ocorreu no sexto dia. Antes o Senhor já havia criado toda a terra, com sua Palavra, dando um comando: haja luz e houve luz....

E com a mesma Palavra nos ABENÇOOU, declarando sobre as nossas vidas esse DECRETO de governo e prosperidade.

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Escola do Espírito Santo

A ministração do Ap. Renê, será transmitida às 21horas, horário de Brasília, ao vivo pelo site:
http://www.thewisdomcenter.tv/tabid/6033/Default.aspx


terça-feira, 1 de junho de 2010

Um homem Inteligente Falando das Mulheres


O desrespeito à natureza tem afetado a sobrevivência de vários seres e entre
os mais ameaçados está a fêmea da espécie humana.
Tenho apenas um exemplar em casa,que mantenho com muito zelo e dedicação,
mas na verdade acredito que é ela quem me mantém. Portanto, por uma questão
de auto-sobrevivência, lanço a campanha 'Salvem as Mulheres!'
Tomem aqui os meus poucos conhecimentos em fisiologia da feminilidade a fim
de que preservemos os raros e preciosos exemplares que ainda restam:

Habitat
Mulher não pode ser mantida em cativeiro. Se for engaiolada, fugirá ou
morrerá por dentro. Não há corrente que as prenda e as que se submetem
à jaula perdem o seu DNA. Você jamais terá a posse de uma mulher, o que vai
prendê-la a você é uma linha frágil que precisa ser reforçada diariamente.

Alimentação correta
Ninguém vive de vento. Mulher vive de carinho. Dê-lhe em abundância. É coisa
de homem, sim, e se ela não receber de você vai pegar de outro. Beijos
matinais e um 'eu te amo' no café da manhã as mantém viçosas e perfumadas
durante todo o dia. Um abraço diário é como a água para as samambaias. Não a
deixe desidratar. Pelo menos uma vez por mês é necessário, senão
obrigatório, servir um prato especial.

Flores
também fazem parte de seu cardápio - mulher que não recebe flores murcha
rapidamente e adquire traços masculinos como rispidez e brutalidade.

Respeite a natureza
Você não suporta TPM? Case-se com um homem. Mulheres menstruam, choram por
nada, gostam de falar do próprio dia, discutir a relação? Se quiser viver
com uma mulher, prepare-se para isso.

Não tolha a sua vaidade
É da mulher hidratar as mechas, pintar as unhas, passar batom, gastar o dia
inteiro no salão de beleza, colecionar brincos, comprar muitos sapatos,
ficar horas escolhendo roupas no shopping. Entenda tudo isso e apoie.

Cérebro feminino não é um mito
Por insegurança, a maioria dos homens prefere não acreditar na existência do
cérebro feminino. Por isso, procuram aquelas que fingem não possuí-lo (e algumas realmente o aposentaram!). Então, agüente mais essa: mulher sem cérebro não é mulher, mas um mero objeto de decoração. Se você se cansou de colecionar bibelôs, tente se relacionar com uma mulher. Algumas vão lhe
mostrar que têm mais massa cinzenta do que você. Não fuja dessas, aprenda
com elas e cresça. E não se preocupe, ao contrário do que ocorre com os
homens, a inteligência não funciona como repelente para as mulheres.

Não faça sombra sobre ela
Se você quiser ser um grande homem tenha uma mulher ao seu
lado, nunca atrás. Assim, quando ela brilhar, você vai pegar um
bronzeado.

Aceite: mulheres também têm luz própria e não dependem de nós para brilhar.
O homem sábio alimenta os potenciais da parceira e os utiliza para motivar
os próprios. Ele sabe que, preservando e cultivando a mulher, ele estará
salvando a si mesmo.
E meu amigo, se você acha que mulher é caro demais, vire gay.
Só tem mulher quem pode.

terça-feira, 18 de maio de 2010

Identidade (Pv.31,10)

Quem é esse povo, que foi escolhido? Quem é essa raça eleita, sacerdócio real, chamado para ser santo, assim como é santo Aquele que o chamou? Quem é esse povo, cujo valor excede ao rubi? 

Identidade é o conjunto de características próprias, específicas de uma pessoa e mais do que isso, é a consciência de quem somos, de que não somos fruto de um acaso, mas de um projeto e de um propósito de Deus.

Quem nós somos? A princípio somos criaturas do Deus Altíssimo, nascido com um propósito, escolhidos ainda no ventre de nossa mãe, quando aceitamos a Jesus, passamos a ser filhos de Deus (“Mas a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus...”Jo.1,12). Não somos fruto de um acaso, mas somos uma raça escolhida (“Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido...” (I Pe,2,9) e fazemos parte de um povo chamado para fazer a diferença, através da santidade “... mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver, porquanto escrito está: Sede santos, porque eu sou santo.” (I Pe 1,13 e 14).

Santidade é a qualidade ou condição de santo, que por sua vez, significa estar separado. Santidade é a caracteristica principal do povo escolhido de Deus. Essa qualidade está diretamente relacionada à virtude, que significa disposição e capacidade para agir de modo moralmente correto.
O Senhor nos escolheu e nos chamou para sermos santos.

“ Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de rubi” (Pv.31,10).
Não podemos esquecer, que em diversos momentos, nos deparamos com Deus, em Sua Palavra, comparando o Seu povo a uma mulher (Ez. 23; 16:9-14). A própria Igreja, é uma representação femenina do povo de Deus. No livro de Apocalipse vemos a Igreja como a noiva, e que haverá bodas com o Cordeiro (Ap. 19,7).
Em Provérbios 31,10 e seguintes, temos ali a figura da esposa perfeita. Essa esposa perfeita, sem mácula, representa a própria Igreja, escolhida e separada, que se encontrará com o Cordeiro de Deus.
A Igreja, somos nós, o seu povo, escolhido e separado para ceiar com Ele. Um povo consciente de sua identidade: de quem é e qual o seu chamado. 
"Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono" (Ap. 3,21).
..................................

Marciléia Abreu

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Glória a Deus!!!!
Nunca estive tão consciente do que representa o Reino de Deus, estou me sentindo embriagada de muita alegria. Tudo o que Deus derramou sobre as nossas vidas em Porto Seguro, através de seus profetas, foi um divisor de águas. Com certeza, quem recebeu não saíra mais o mesmo. Não tenho palavras para descrever como me sinto e sou muito grata a Deus por tudo que tem feito na minha vida. Não foi fácil chegar naquele local, foram lutas, tinha tudo para não ir. Deus fez um mover, usou anjos e fui muito abençoada. Todos os obstáculos, as lutas não foram nada, diante do que Deus derramou sobre a minha vida. Agradeço primeiramente a Deus, ao meu esposo pelo apoio, aos meus líderes Ap. Marco Túlio e Pra. Marineth pela oportunidade - anjos que o senhor usou para me abençoar e ensinar, a toda a equipe que esteve comigo como  Gerson e Ednair, Marcos e até mesmo Graça, que mesmo estando longe, também, foi um canal de benção e aos meus companheiros em quase todos os momentos: Edlene, Tiago, William e Carlos (foi muito bom estar com vocês!) 
Obrigada Senhor por ter me alcançado e me salvado, obrigada pelo teu amor, obrigada por ser indesistível e fiel; para mim é uma honra fazer parte do Teu Reino e poder declarar que te amo muitoooo!!!!!

Marciléia Abreu

sábado, 3 de abril de 2010

O Poder da Ressurreição

“E, se o Espírito daquele que dentre os mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dentre os mortos ressuscitou a Cristo também vivificará os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em vós habita.” (Romanos 8:11)

A Páscoa está relacionada com a nossa redenção, com a nossa salvação, com o ato salvífico de Jesus Cristo que morreu na Cruz para nos resgatar, proclamando a nossa vitória.
A Páscoa fala da sua e da minha vitória; a Páscoa está profetizando a nossa entrada no céu. Só podemos entrar no céu, porque Jesus morreu, porque Ele ressuscitou, porque Ele era o único e passou a ser o primeiro. E porque Ele é o primeiro, há também o segundo, o terceiro, o quarto, e os milhares de milhares; tem você que é resultado dessa profecia, dessa chamada que o torna cidadão do céu. Jesus está no céu representando a Igreja, e a Igreja está na Terra representando Jesus.
A Páscoa obedece a uma ordem: início, meio e fim. A Páscoa fala da introdução das Festas do Senhor, fala da celebração da nossa redenção. Jesus, o Verbo Vivo, Se manifestou e nos trouxe alegria. Nesses dias de Páscoa, muitos se entristeceram, porque Jesus morreu, mas nós nos alegramos, porque sabemos que o Cordeiro foi morto, mas ressuscitou.
Quando estamos em Israel, no Jardim do Túmulo, vemos uma frase: “Ele não está aqui, pois ressuscitou”. Dali, podemos tirar diversas lições. Naquele túmulo, entrou Maria e foi consolidada. Ela simboliza a Igreja. Assim como a mulher, no Éden, foi a figura da queda, Maria foi a primeira mulher a receber a palavra da ressurreição. Naquele momento, houve uma grande restituição, porque Jesus é o maior consolidador que existe e jamais deixaria uma dívida para o inferno.

Pedro, ao entrar nos céus do Jardim, foi impactado, foi mudado, e recebeu o manto da coragem. Ele se tornou um grande líder da Igreja primitiva, foi o primeiro Patriarca da Igreja.

João também esteve ali e foi o discípulo do amor e do relacionamento, figurando o discipulado.
Então, na ressurreição de Jesus, temos a unção da restituição, da liderança e do discipulado. A Igreja precisa entrar nesse nível de restituição, de pagar dívidas, de receber o manto de coragem e de andar na tônica do discipulado.
Quando Jesus disse: ‘Eu vim para que tenham vida’, Ele falou: ‘Eu vim para que vocês vivam ressuscitados’.
Ele nos chamou para governar, para reinar sobre os inimigos. Ele quer que tenhamos autoridade para governar. Ressurreição é voltar a ter o que perdemos, com graça e autoridade.
................
É essa palavra que Jesus tem hoje para os Seus filhos. Jesus nos ressuscitou para a vida, por isso não tenha cara de derrotado, nem de tristeza, nem de aflição. Domine as situações de sua vida. Governe, porque você recebeu o poder da ressurreição de Yeshua. O poder de ressurreição abrange todas as áreas da sua vida: familiar, pessoal, profissional, ministerial.

Hoje Deus quer ressuscitar áreas da sua vida que estavam mortas. Por isso, receba a palavra de ressurreição do Senhor e viva em novidade de vida.

Apóstolo Renê Terra Nova

quinta-feira, 1 de abril de 2010

AS BÊNÇÃOS DA PÁSCOA

A Páscoa é uma estação para nos posicionarmos a receber o que Deus tem de melhor para nossas vidas e famílias
Não vamos mencionar aqui aquilo que todos já sabem sobre o marco e início da Páscoa, que é mencionado no livro de Êxodo, no Velho Testamento. E a morte e ressurreição de Jesus Cristo, no Novo testamento, nas mesmas datas, porque basicamente este é o mesmo tópico batido pelas Igrejas no mundo inteiro todos os anos, e todo mundo já sabe.

 Todavia, neste artigo, queremos mergulhar nos curiosos fatos que estão por trás da Páscoa que são desconhecidos pela maioria do povo de Deus, e, portanto, ficam desprovidos de receberem as bênçãos divinas plenas por desconhecer outras verdades relevantes por trás de cada fato bíblico.

Os ciclos de Deus e o Seu mover sobre a Terra nunca foram obra do acaso. Mas, em cada época e estação, Deus fez e faz coisas tremendas que trazem grandes impactos, mudanças e libertação sobre a vida do Seu povo. Veja o ciclo da Páscoa ao longo da historia bíblica (mesmas datas e épocas do ano) e como Deus Se moveu de forma extraordinária nesta mesma estação e tempo divino.

Alguns fatos ocorreram antes mesmo do Êxodo, todavia, no calendário de Deus, esta estação é carta marcada sempre para abençoar todos aqueles que creem, pois é tido por Deus como algo determinado nos anais celestiais. Confira rapidamente os relatos de historiadores judeus:

1. Nesta mesma estação, Deus criou o mundo (Gn. 1:1;3,24);
2. Deus faz aliança entre as Partes com Abraão (todas as famílias da terra seriam abençoadas - Ano de 1743);
3. Abraão luta contra os quatro reis e vence (1738);
4. Isaque nasceu (1714);
5. Isaque foi conduzido ao sacrifício (Gn 22:1-18);
6. Jacó lutou contra o anjo (1556);
7. O Senhor responde a Jó (Jó 38:2-28);
8. Moisés se depara com Deus na sarça ardente (1314);
9. O Êxodo acontece para os Hebreus (1313);
10. Josué recebe ordem para possuir a Terra (Josué 1:1-9);
11. Elias é levado aos céus (II Reis 2: 1- 22);
12. Ezequiel recebe a visão sobre o vale de ossos secos e a realidade do povo (Ezequiel 37:14);
13. A rainha Vasti foi executada, Ester precisava emergir para resgatar o povo de Deus (366);
14. Daniel é lançado na cova dos leões, anjos o protegem (372);
15. Jonas e Nínive (Jonas 1:1-4, 11);
16. Jesus, o Messias, foi crucificado, morto e ressurreto;
17. Pedro é preso por Herodes durante a Páscoa e um anjo é enviado para libertá-lo;
18. Paulo, em meio a um grande naufrágio, celebra a Páscoa e recebe o livramento de Deus através da aparição de um anjo que lhe informa tudo o que haveria de acontecer.

Enquanto nós cristãos no mundo inteiro celebramos a Páscoa como um único sinal de libertação do povo de Deus do Egito e a morte e a ressurreição de Cristo, há outras grandiosas bênçãos e razões para o povo de Deus celebrar esta estação por conta dos grandes livramentos e novos começos que Deus sempre trouxe e vai continuar trazendo ao Seu povo por ocasião desta estação pascoal milagrosa.

Entendendo a Páscoa

A aliança de sangue que Deus fez com o homem começa na Páscoa. É uma das estações e épocas mais santas, de grandes milagres e livramentos, como mostra a história, que nós como crentes celebramos o poder de Deus e Sua libertação sobre o seu povo e em nossas vidas. Tudo tem a ver com o sangue de Cristo. Talvez você diga: O que Páscoa tem a ver comigo se eu sou um cristão e isto começou com os judeus?

Vamos colocar um fundamento aqui: O judaísmo pode existir perfeitamente sem o cristianismo, todavia cristianismo não poderia sobreviver jamais sem o judaísmo. O judaísmo é a nossa base. Dos judeus, recebemos a Bíblia; dos judeus, recebemos e cremos nos profetas, rei Davi, Isaías, Daniel, Maria Mãe de Jesus, os doze apóstolos, o maior escritor do Novo Testamento, Apóstolo Paulo (judeu por excelência); tudo o que cremos na Bíblia se deu na vida comum de judeus que criam em Deus. A Terra Santa que pertence a eles e Jerusalém que foi lhes dada, toda a nossa fé tem conexão divina com este povo.
........................

Deus ordenou aos hebreus dizendo que a Páscoa era uma ordenança para ser cumprida para sempre. ‘Para sempre’ quer dizer ‘Para sempre’. Não importa o que inventem os Teólogos e tentem dizer ou desdizer. ‘Para sempre’ quer dizer ‘Para sempre’ e ponto final. Por isso, até hoje celebramos a Páscoa.

........
Ap. Arão Amazonas (ver texto  http://www.mir12.com.br/)

domingo, 7 de março de 2010

Temos um Chamado

Costumo dizer que não nascemos apenas para enfeitar o planeta terra, somos especiais; fomos criados para fazer diferença, onde quer que estejamos (Gn 1,26), debaixo do propósito reservado para nós pelo nosso Pai Amado, quando, ainda, estavamos no ventre de nossa mãe (Salmo 139,16).
No Livro de Mateus 25-14, conhecido como a parábola dos talentos, vemos a história de um homem que partiu para fora da terra e chamou os seus servos e entregou os seus bens. Ele representa a figura de Jesus, que ao deixar a terra nos deixou um bem [ o Espírito Santo] e nos entregou uma missão (Mt.28,19): "Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo".
Esse homem, distribuiu seus bens aos seus servos segundo a sua capacidade (verso 15); da mesma forma cada propósito, cada missão destinados a nós pelo Senhor, é de acordo com a nossa capacidade. Deus olha para nós e diz: Você é capaz! Ser capaz, não significa que estejamos prontos, mas que estamos dispostos a ser moldados pelo Senhor. Quando Deus ungiu a Davi, ele era apenas um pastor de ovelhas, mas ele se deixou ser forjado e tornou-se um grande rei.
E da mesma forma como aqueles servos que receberam os talentos (versos 16 a 18), nós -diante da nossa missão só temos duas saídas: ou decidimos negociar e multiplicar os talentos ou decidimos enterrá-los.
Hoje a nossa maior missão é ganhar vidas para o Reino de Deus. Não estamos sozinhos nesse propósito, pois o maior interessado é o próprio Deus. "Assim será a palavra que sair da minha boca: ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz e prosperará naquilo para que a enviei"(Is.55,11).
Muito tempo depois voltou o senhor àqueles servos para fazer contas com eles (verso 19); Jesus, também, voltará e prestaremos contas da nossa missão, pois tudo o que semearmos, colheremos (Gl.6,7). E da mesma forma como aqueles servos foram recompensados, também receberemos a nossa recompensa, porque Deus é fiel e nos convida a ter compromisso com o nosso chamado: "Sê fiel no pouco e sobre o muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor" (verso 23).
Em Apocalipse 3,21, temos uma promessa tremenda: "Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu Trono...". Por que, a palavra vencer neste versículo? porque não é fácil; em momento algum Deus diz que será, mas Ele nos promete, que se confiarmos nEle, teremos a vitória. Então, tudo parte de uma decisão, Deus já fez a parte dEle: nos escolheu e nos capacita de degrau em degrau para que estejamos aptos a cumprir o chamado. A nossa parte é fazer a decisão correta: A vontade do Pai.
Marciléia Abreu

sexta-feira, 5 de março de 2010

Amor: Atitude - Ação - Honra

O que é o amor? O amor não é um sentimento. Paciência e bondade não são sentimentos e embora sejam considerados virtudes, estão diretamente ligados à ação, a atitudes. Não arder em ciúmes, não se ensoberbecer, não se conduzir incovenientemente, não procurar seus próprios interesses, não se irritar (I Co. 13, 4-5), também, não são sentimentos, mas atitudes contrárias ao amor.
Amar é acima de tudo honrar, pois quando tratamos o nosso próximo com respeito, compreenção, quando perdoamos, tratamos com amabilidade e cortesia, estamos honrando o nosso próximo e cumprindo o que nos ensina Romanos 12,9-21: "...abençoar os que nos perseguem, alegrarmos com os que se alegram, chorar com os que choram, a ninguém tornar o mal por mal, não se vingar; se o meu inimigo tiver fome dá-lhe de comer, se ele tiver sede dá-lhe de beber, vencer sempre o mal com bem".
O amor é fundamental, pois para conhecer-mos a Deus temos que exercitar o amor, porque Deus é amor (I Jo. 4,8). Esse amor foi manifestado a nós através de Jesus Cristo, seu Filho amado, que morreu por nossos pecados (I Jo. 4, 10). E isso é o sufiente para amarmos uns aos outros (I Jo. 4,11). Alinhar à direita
A honra, abre as portas de bençãos, pois nada mais é do que uma oferta. "O presente do homem alarga-lhe o caminho e o leva-o à presença dos grandes" (Pv.18,16). Atitudes simples, como ceder o seu lugar a alguém, dentro de um coletivo, por exemplo, também é um ato de amor e uma oferta, respaldada pela Palavra de Deus: "porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará... e não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos..."(Gl 6,7 e 9).


"O Reino de Deus não consiste em palavras mas em virtude"(I Co. 4,20), ou seja, o Reino de Deus não é discurso, mas atitude, ação.

Marciléia abreu

quinta-feira, 4 de março de 2010


O Amor

"Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tiver amor, serei como o bronze que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, se não tiver amor, nada serei. E ainda que distribua todos os meus bens entre os pobres e ainda que entregue o meu corpo para ser queimado se não tiver amor, nada disso me aproveitara.
O amor é paciente, é benigno: o amor não arde em ciúme, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus próprios interesses, não se exaspera, não se ressente do mal, não se alegra com a justiça, , mas regizija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba..." (I Coríntios 13, 1-8)